PÁGINA OFICIAL, FACEBOOK e E-MAIL

http://www.isec.psc.br

https://www.facebook.com/Prof.Joao.Oliveira

E-mail: isecpsicologia@gmail.com

Para receber informações sobre palestras e cursos mande um email para: isec_news-subscribe@yahoogrupos.com.br

sábado, 28 de fevereiro de 2015

A PORTA




Por João Oliveira

                Não há nenhum bom resultado que se consiga sem esforço ou, pelo menos, alguma estratégia. Sorte é algo que só existe para poucos preparados e não podemos contar com ela quando o assunto é a nossa própria vida. Assim sendo, organização e planejamento são as ferramentas básicas de quem deseja construir o próprio futuro.

                Nada é fácil até estar totalmente pronto. Mesmo as coisas mais simples como, por exemplo, abrir uma porta para entrar ou sair de um ambiente depende de uma série de ingredientes para poder dar certo.

                A porta precisa estar alinhada com seu batente para poder abrir sem problemas, ter as dobradiças lubrificadas, maçaneta funcional e, não menos importante, você necessita ter a chave para abrir a fechadura e liberar o movimento. Claro, alguém antes teve muito trabalho ao colocar a porta nessa parede então, para que tudo ocorresse bem, houve planejamento.

                Projetar o próprio destino requer, no mínimo, compreensão das próprias capacidades e vontade de superar as deficiências. Identificar quais são as partes em você que podem dificultar o processo e focar no resultado final como elemento motivacional. Isso dará energia para levantar cedo, capacidade para estudar mais, investir até mesmo parte do tempo que seria destinado ao lazer, compreender as possíveis falhas no percurso e muito mais. Desde que esteja realmente focado nos resultados.

                Muitas são as pessoas que fazem uma comparação entre o esforço que fazem para conquistar algo, como um alpinista que escala uma montanha. Até certo ponto esta analogia funciona: dificuldades da escalada, paredões íngremes, dormir ao relento...

                Até que o resultado é alcançado no momento em que o alpinista chega ao topo da montanha. Nessa ocasião ele começa a descer. Aqui acaba a possiblidade de comparação com a sua jornada pessoal. Pois, ao alcançar o seu objetivo – seja ele qual for – você poderá desfrutar pelo resto de sua vida ou continuar em crescimento contínuo. Não terá de voltar para a base como o escalador de montanhas.

                O ponto principal para que essa argumentação dê certo só pode ser concretizado se, antes de mais nada, você tiver um objetivo claro em mente. Acredite, às vezes essa é a pior parte do projeto.

                - “O que você quer ser quando crescer?” Acredito que você já ouviu isso muitas vezes em sua infância. E essa aqui, mais apropriada para a vida adulta: - “O que o mundo fez com a sua vida?” E ainda: - “Quais são suas atitudes diante do que é colocado diante de você?”

                Calma! Antes de baixar a cabeça e começar a ficar triste com a(s) resposta(s) tenho uma última pergunta que pode mudar esse astral: - “O que você quer fazer com resto da sua existência?”

                Pense.

                Não importa o momento da vida em que se encontra ou os anos que já viveu. Conheço uma senhora com 85 anos que está cursando a Faculdade de Turismo. Tenho certeza que ela nunca irá ser uma profissional nesse ramo de atividade, no entanto, fazer esse curso a mantém viva a atuante no meio social.

                Pense mais um pouco.

                Um norte-americano têm, em média, cinco profissões ao longo da vida. O rapaz que era vendedor em uma loja vira frentista do posto de gasolina, estuda num curso técnico e vira eletricista, faz concurso e vai trabalhar no departamento de manutenção da prefeitura, estuda na universidade noturna e, após cinco anos, finalmente se gradua em engenharia. É assim que funciona!

                Agora projete seu futuro. Comece pensando na parede que vai ter de abrir para encaixar o batente, onde pode adquirir as dobradiças, parafusos, maçanetas... qual a madeira que vai usar e, finalmente, começar a montar a sua porta. Essa porta que irá abrir o caminho para o seu novo e pretendido futuro.

                Saia da imobilidade e abra, pelo menos, uma janela para o sol entrar em sua vida.
               
               
               



Nenhum comentário: