TOPO

PÁGINA OFICIAL, FACEBOOK e E-MAIL

Página Oficial De Cursos

http://www.isec.psc.br


Facebook De João Oliveira

https://www.facebook.com/Prof.Joao.Oliveira

E-Mail direto para João Oliveira:

oliveirapsi@gmail.com

Para receber links, senhas e informações sobre palestras e congressos virtuais mande um email para:

isec_news-subscribe@yahoogrupos.com.br

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

O HOMEM QUE ESCALOU O ARCO-ÍRIS







Por João Oliveira



Esse homem tinha um desejo bem forte em sua mente algo diferente de tudo que você pode imaginar: ele queria subir, pelas cores de um arco-íris, até o céu. Para isso ele começou a se preparar desde pequeno. Estudou física, aeronáutica, astronomia e até mesmo meteorologia. Ele conhecia tudo sobre o fenômeno, mas, por mais que tentasse ainda não conseguia, sequer, chegar perto do seu intento.

Você pode até pensar que ele era um idiota. Não! Você estaria enganado se pensasse assim: ele era muito inteligente. Ele até chegou a conclusão que, caso conseguisse congelar o espectro de luz formado por partículas d´água, ele poderia escalar, sem problemas, até o ápice do arco colorido. 

Romântico, não é? No entanto, isso foi o elemento motivador que o fez estudar e trabalhar por toda a vida. Desde do momento em que viu um arco-íris pela primeira fez, quando tinha seis anos, ele começou a elaborar um projeto de vida que o levasse até o seu objetivo final.

Economizou dinheiro para comprar equipamentos, deixou de sair e se divertir com os amigos para ficar horas estudando os assuntos ligados ao arco-íris, trabalhou mais que o necessário e nem ao menos tirava férias. Tudo por conta de seu plano maior.

Nesse ponto de nossa história vale a pena um questionamento: você tem um arco-íris que pretende um dia escalar?

Nossas vidas podem ser um tanto chatas e sem sentido se não possuímos um objetivo claro. Mas, pode ser pior ainda, quando o nosso objetivo é pequeno e se completa com facilidade nos deixando sem nada à frente para almejarmos.

Algumas pessoas são movidas por desejos fúteis, coisas realmente simples e fáceis de serem alcançadas. Outras, focam suas vidas, em coisas que certamente irão definhar com o tempo como, por exemplo, criar os filhos. Sempre chegará o dia em que eles se vão, deixam à casa onde foram criados, para seguirem suas vidas. Com isso o objetivo se esgota sem possibilidade de ser renovado.

Quando temos um foco maior como o crescimento pessoal, por exemplo, pelo prazer de evoluir como ser humano, podemos ter toda uma vida de investimento com resultados e ainda achar que é muito pouco. Afinal, estudar não tem limites. Ou, quando nos projetamos em algo renovável como construções, produções, artes e outras tantas atividades que fazem parte de um universo que pode sempre nascer de novo pelo efeito das nossas ações. Isso sim pode ser algo que nos faça levantar da cama todas as manhãs com a intenção de mudar o mundo.

Fato, é que precisamos encontrar um arco-íris para escalar. Um objeto inspirador que funcione como placa de sinalização nos apontando um caminho na vida para seguir. 

O nosso personagem finalmente conseguiu escalar o arco-íris, foi em um sonho, justamente na noite em que ele morreu.

                

Nenhum comentário: