PÁGINA OFICIAL, FACEBOOK e E-MAIL

http://www.isec.psc.br

https://www.facebook.com/Prof.Joao.Oliveira

E-mail: isecpsicologia@gmail.com

Para receber informações sobre palestras e cursos mande um email para: isec_news-subscribe@yahoogrupos.com.br

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

Homem sobrevive depois de ficar mais de meia hora no fundo do rio

Matéria do Site de Noticias URURAU

Fim de semana de sol e praia e também de muitos afogamentos no estado do Rio de Janeiro. De acordo com o Grupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros foram feitos 282 salvamentos no sábado (21/02) e mais 110 no domingo (22/02).

Em Campos, uma história impressionante. Rodrigo Cordeiro Gomes, 30 anos, bebia com amigos quando resolveu dar um mergulho no Rio Paraíba. Rodrigo desapareceu nas águas do rio e minutos depois, os amigos chamaram os bombeiros, que a essa altura já procuravam por um corpo. Tamanha foi a surpresa do bombeiro, que ao encontrar Rodrigo, percebeu que ele ainda tinha pulsação e a equipe começou o processo de ressuscitação, que foi rápido, Rodrigo logo recuperou os sinais vitais. Recuperado, ele diz que foi abençoado. “Com certeza foi um milagre de Deus”, disse Rodrigo.

OUTRO CASO – Até agora, o caso mais surpreendente de afogamento que já tivemos notícia foi o que ocorreu há algumas semanas em Chapecó, com um rapaz de 19 anos. Foram aproximadamente 17 minutos sem respirar, de acordo com cálculos do Corpo de Bombeiros da cidade. Mas, para surpresa de todos, Alex Puton, 19 anos, que ficou três dias em coma induzido, acordou sem nenhuma seqüela, ele sequer se lembrava do afogamento.

Um dos bombeiros que participaram do salvamento de Alex, o cabo Luciano Hünning, disse que nunca viu algo igual em 17 anos na corporação:

“Não temos registro de alguém que ficou tanto tempo debaixo da água e saiu sem seqüelas”, disse o cabo do Corpo de Bombeiros, Luciano Hunning, que tem 17 anos de profissão.

Siga o link no título para a matéria original

Nenhum comentário: